O Laboratório de Computação e Modelagem, um dos seis laboratórios do Centro de Pesquisas em Ciências e Tecnologias das Radiações (CPqCTR) da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), é apontado pelo professor Fermin Garcia como um dos mais ativos e produtivos da unidade.

Liderado pelo professor Felix Mas Milian, desenvolve-se ali uma linha de pesquisa denominada Simulação Computacional para Estimativa de Doses de Radiação, com aplicação na Física Médica, enquadrada na Dosimetria Numérica. Essa linha de pesquisa focaliza o estudo dos processos de deposição de energia pela radiação ionizante em um tecido específico e no corpo humano em geral.

Fermin, diretor do CPqCTR, explicou que a utilização da radioterapia é de vital importância para a medicina, caracterizando-se como uma importante ferramenta tecnológica a serviço da saúde na luta contra o câncer.

“Mas como a radiação apresenta efeitos tanto benéficos quanto nocivos, muitos trabalhos científicos e seus desdobramentos tecnológicos buscam aprimorar as dosagens de radiação necessárias aos tratamentos médicos, ou seja, otimizar a atuação da radiação na destruição dos tecidos tumorais com o mínimo de danos colaterais em tecidos sadios vizinhos”, explicou o diretor.

Milian, coordenador do Laboratório de Computação e Modelagem, disse que a pesquisa atual está direcionada para a confecção de modelos tridimensionais de pacientes, desenvolvidos em programas 3D de computador, específicos para simulações computacionais.

E esclareceu que essa metodologia desenvolvida no centro situa-se no mesmo nível do ‘estado da arte’ internacional, “o que permitirá determinar doses radiológicas com maior precisão, apoiadas em simulações que incluem modificações espaço-temporais, com um enfoque mais realista da dinâmica do processo”.

Ele destacou que se trata de modelos muito complexos, exigindo cálculos demorados, que, por ser inviáveis em computadores comuns, é preciso a utilização de clusters para que sejam realizados com rapidez.

Aprovação de recursos pela Fapesb

O Centro de Pesquisas em Ciências e Tecnologias das Radiações tem como focos a produção de conhecimentos e novas tecnologias e a formação de novos pesquisadores em temas relacionados às aplicações tecnológicas das radiações em áreas como saúde, meio ambiente, agricultura e indústria.

A aprovação recente pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb) de recursos financeiros para o projeto Desenvolvimento de Modelos Anatômicos NURBS 3D para Utilização na Física Médica diz bem a relevância das pesquisas desenvolvidas no centro.

Esse suporte financeiro permitirá o fortalecimento da capacidade computacional do Laboratório de Modelagem, com a inclusão de cluster e workstation, dotados de recursos gráficos de alto desempenho.

A linha de pesquisa liderada por Milian tem a participação de mais quatro professores do CPqCTR, quatro alunos de Iniciação Científica e dois mestrandos do Prodema.

Os trabalhos são realizados também em colaboração com o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, o Laboratório de Metrologia das Radiações da Universidade Federal de Pernambuco e a Universidade Federal do Rio de Janeiro.