Gestores de saúde de 31 municípios do estado participam até esta quinta-feira (5), no auditório do Hospital Roberto Santos, do Seminário Expansão da Estratégia de Saúde da Família/Projeto Saúde Bahia.

Promovido pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), o seminário tem o objetivo de apresentar aos participantes, os procedimentos relativos às etapas das ações do Projeto Saúde Bahia, como a execução de obras, licitação de equipamentos e prestação de contas dos recursos repassados.

Os municípios convidados para o encontro estão incluídos no Subprojeto Municipal de Expansão/Conversão à Estratégia da Saúde da Família e tiveram seus respectivos prefeitos eleitos nas últimas eleições.

De acordo com a gerente geral do Projeto Saúde Bahia, Elcione Cunha, ao final do encontro, os participantes terão as orientações e ferramentas para executarem a ampliação das equipes do Programa de Saúde da Família.

“Aqui, eles vão conhecer o Projeto Saúde Bahia, a sua origem, saber também que, para executar as ações, é preciso seguir as exigências e normas do Banco Mundial (Bird), financiadora do projeto”, afirmou Cunha.

Na abertura do seminário, o diretor de Atenção Básica da Sesab, Heider Pinto, fez uma apresentação sobre a política do governo para o setor.

“Os municípios são responsáveis pela execução e manutenção da atenção básica, e o Governo do Estado vai dar suporte para essa ampliação do PSF. Ate 2010 está previsto, no Projeto Saúde Bahia, a construção de cerca de 200 unidades do programa e esses novos gestores precisam estar capacitados para executar essa demanda”, disse o diretor da Sesab.