O secretário de Desenvolvimento Urbano, Afonso Florence recebeu, nesta quinta-feira (12), 26 caciques representantes das comunidades indígenas Pataxó e Tupinambá do extremo sul da Bahia. O objetivo da reunião, convocada pelas lideranças, era dar continuidade ao diálogo que o governo estadual, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), tem estabelecido com esses povos, em busca de uma solução negociada para suas demandas, sobretudo na área de habitação.

Durante a atividade, que contou com representantes de comunidades indígenas dos municípios de Itamaraju, Prado, Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Belmonte e Itapebi, Florence reiterou o compromisso do governo com a população indígena, assumindo a tarefa de acompanhar as reivindicações apresentadas pelo grupo junto às demais secretarias do governo.

A reunião resultou na elaboração de um cronograma de trabalho e de captação de recursos para a produção de 1.680 unidades habitacionais e reforma de 106 casas, pleiteadas pelas lideranças presentes. “Esse acordo é fruto de dois fatores principais: a existência de uma política de Estado voltada para a habitação, que é o programa Dias Melhores, e a mobilização da comunidade indígena”, afirmou o secretário.

Para o cacique Aruã, representante da comunidade Pataxó de Coroa Vermelha, os resultados foram positivos. “Percebemos que há um compromisso desse governo com a causa indígena e esperamos que nossas comunidades sejam beneficiadas por esses projetos de habitação e infraestrutura”, destacou. Em março serão realizadas reuniões nos municípios de Itamaraju e Porto Seguro para dar seguimento aos trabalhos em parceria direta com as comunidades.