Com o objetivo de fortalecer a política pública descentralizada das águas, o Instituto de Gestão das Águas e Clima (Ingá) abriu convocação para seleção dos artigos que serão publicados no terceiro caderno da série Textos, Águas e Ambiente – Justiça pelas Águas: Cultura, Territorialidade e Sustentabilidade.

A publicação, com previsão de lançamento no mês de maio, durante a realização do 2° Seminário de Justiça Ambiental Pelas Águas, será distribuída gratuitamente.

Serão aceitos artigos enviados por representantes dos povos e comunidades tradicionais e do movimento socioambiental, pesquisadores, estudantes, servidores, colaboradores e gestores públicos municipal, estadual e federal, que devem abordar os temas Justiça Ambiental Pelas Águas, Combate ao Racismo Ambiental, Gestão Participativa das Águas e Políticas Afirmativas, A Saúde e Água, Direitos Humanos e a Água, Cultura da Água e Territorialidade dos Povos.

O caderno tem o propósito de promover uma reflexão crítica e pró-ativa da sociedade sobre a democratização da gestão participativa, afirmando o enfrentamento ao racismo ambiental como política institucional, na implementação da Política Estadual de Recursos Hídricos, como explica o assessor do Ingá para Povos e Comunidades Tradicionais, Diosmar Santana Filho.

O caderno da Série Textos Água e Ambiente 2 (Justiça pelas águas: enfrentamento ao racismo ambiental), foi lançado no ano passado, em parceria com a Secretaria de Promoção da Igualdade (Sepromi), durante o 1° Seminário de Justiça Ambiental Pelas Águas, realizado em março. A edição teve distribuição de mais de quatro mil unidades e foi composta por quatro artigos.

O terceiro caderno pretende fortalecer a implementação de políticas publicas para a sustentabilidade social, cultural, econômica e ambiental dos povos e comunidades tradicionais, a proteção dos direitos humanos e do acesso à água.

Normas

Os textos, preferencialmente inéditos, deverão ter no máximo quinze laudas, na fonte Times New Roman, tamanho 12 e espaço de 1,5. Podem ser enviados até o dia 25 de março para o e-mail: justicapelasaguas@inga.ba.gov.br, com o assunto: Justiça pelas águas: Cultura, Territorialidade e Sustentabilidade ou em CD-ROM pelo correio, até o dia 20 do mesmo mês, no endereço: Instituto de Gestão das Águas e Clima – Ingá, Avenida Antonio Carlos Magalhães, 357 (Itaigara)- Salvador-BA-CEP 42.825-000, aos cuidados da Assessoria de Comunicação/Ingá.

Após o recebimento dos textos, uma comissão fará a seleção de dez textos para publicação no caderno. Os originais enviados serão considerados definitivos e autorizados para publicação por sua simples remessa ao instituto.