No Dia Nacional de Vacinação, sábado (14), serão intensificadas as ações de imunização na Bahia. Cerca de 7,3 mil postos fixos e volantes funcionarão em locais de grande fluxo populacional. Manter a erradicação da poliomielite, sem registro no Brasil desde 1989, e estabelecer a proteção da população são os principais objetivos da campanha, que pretende imunizar cerca 1,3 milhão de crianças.

A Sabin, considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como a única vacina capaz de erradicar a pólio, será administrada indiscriminadamente em todas as crianças de zero a cinco anos incompletos, independente do estado vacinal prévio em relação a qualquer vacina, inclusive a oral contra o rotavírus humano, recentemente implantada no país.

Durante a campanha, que começou no último dia 9 e vai até o dia 27, a Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) disponibilizará ainda, para serem aplicadas seletivamente, para iniciar ou completar o esquema vacinal das crianças menores de cinco anos, as demais vacinas do calendário básico: BCG (contra as formas graves da tuberculose), contra hepatite B, tetravalente (contra tétano, coqueluche, difteria e meningite por Haemophilus tipo B), DPT ou tríplice (contra difteria, tétano e coqueluche), DT (contra tétano e difteria), tríplice viral (contra sarampo, rubéola e caxumba) e rotavírus humano (contra infecção por rotavírus).