Quinze mil mudas de árvores nativas foram doadas pela Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) ao município de Itapetinga, sudoeste do estado. As árvores serão plantadas no entorno de dez lagos de decantação, construídos para despoluir o Rio Catolé, manancial hídrico do município. A proposta é fazer um cordão sanitário, barrando a passagem de eventuais odores e vedando visualmente a área.

Os lagos de decantação têm a área total de 130 mil metros quadrados, para receber cerca de 10 mil metros cúbicos de água do rio Catolé por dia. Funcionarão dispostos em desnível, para que a poluição se estabeleça no fundo, devolvendo, dessa forma, a água limpa ao leito do rio.