O 5ª encontro da Rede Estadual de Estatística (REE), que começou a ser formada em maio com o objetivo de promover a melhoria das informações estatísticas produzidas pelo Estado, será realizado nesta quarta-feira (18), a partir das 14h. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) irá apresentar suas demandas e sugestões para a REE, além das informações sobre segurança que irão compor o primeiro trabalho da Rede, o Índice de Desenvolvimento Social Regional (IDS Regional).

O trabalho de formação da Rede foi iniciado pela área social. Os novos indicadores servirão para orientar políticas públicas e medir os avanços na qualidade de vida da população. O IDS Regional está sendo construído de forma coletiva a partir da proposta das coordenações de Métodos e Indicadores e de Estatística da SEI.

O indicador será elaborado para o Brasil, para as cinco grandes regiões (Norte, Nordeste, Sul, Sudeste e Centro-Oeste), para o Distrito Federal e cada um dos estados. A iniciativa vai formar o mais completo índice nacional para a área social, dando conta de indicadores de saúde, educação, segurança, trabalho, renda e saneamento, procurando caracterizar e apontar o sentido de sua evolução recente. A mesma metodologia será ainda aplicada aos 417 municípios baianos, atualizando a metodologia do atual IDS Municipal.

O trabalho está sendo elaborado em conjunto pelas secretarias de Saúde (Sesab), Turismo (Setur), Cultura (Secult), Educação (SEC), Desenvolvimento Urbano (Sedes), Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH), Segurança Pública (SSP), além da SEI e Seplan.

Na base de dados do novo indicador, constam informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Datasus (Ministério da Saúde) e da Sesab, do Senasp (Ministério da Justiça) e da SSP-Ba, do Ministério da Educação (MEC) e da SEC.

O IDS Regional está sendo construído com base nos indicadores sociais disponíveis e vai permitir mensurar e comparar, regionalmente, aspectos relacionados com as condições de vida da população na perspectiva da satisfação das necessidades humanas básicas e da melhoria da qualidade de vida.

A Rede Estadual de Estatística (REE) irá agregar todas as setoriais do Governo, abrangendo as áreas ambiental, econômica, de infra-estrutura e institucional, com a construção coletiva de indicadores, informações e estudos diversos que auxiliem na elaboração e avaliação de políticas públicas para a Bahia.

O encontro será na Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia da Secretaria do Planejamento (Seplan), auditório da Agerba (4ª Av. do CAB, nº 435, andar térreo).