Com várias passagens pela polícia por roubo de carros, o assaltante George Nascimento Falzemburg e outros quatro homens, entre eles, o policial civil Carlos Alberto Lima Mendonça, foram presos por uma guarnição da 48ª Companhia Independente de Polícia Militar. Com eles foram encontrados R$ 10 mil divididos em dois maços de cédulas de R$ 50, com cintas do Banco do Brasil, que tentaram esconder.
Ao ser abordado, no bairro de Sussuarana Velha, Falzemburg, que estava acompanhado de outro assaltante, Edson Carlos Ferreira dos Santos, tentou subornar os PMs. Durante a ação policial, Falzemburg recebeu o telefonema, pelo celular, de um comparsa, agendando um encontro na Avenida Gal Costa, tendo um dos militares atendido a ligação e se passado pelo bandido.
No local indicado, os policiais localizaram um Fiat Palio ocupado por Waldebran Gomes da Silva, Adriano Gomes de Santana Júnior e Fernando Jesus dos Santos, todos envolvidos em assaltos e com o tráfico de drogas, além do policial civil, que responde a dois processos administrativos e a uma sindicância por crime de extorsão.
Falzemburg, Édson e os demais assaltantes foram conduzidos para a sede da 11ª DP (Tancredo Neves), sendo encaminhados à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos, onde a delegada titular, Christiane Inocência Xavier, os autuou em flagrante por corrupção ativa e formação de bando ou quadrilha. Já o policial se encontra custodiado na Corregedoria da Polícia Civil (Correpol), na Chapada do Rio Vermelho. A origem dos R$ 10 mil apreendidos está sendo investigada.